"Como dois e dois são quatro/Sei que a vida vale a pena/Embora o pão seja caro/E a liberdade pequena" (Ferreira Gullar)
Textos

NOSSAS FRASES PARCEIRAS

Cada um de nós tem suas frases parceiras, aquelas que lhe são recorrentes, companhias silenciosas e expressivas que, volta e meia, nos surpreendem nas mais diversas situações da vida ou fazendo música em monólogo aos nossos ouvidos. Eu também tenho as minhas, provindas de diversos autores, dos mais variados quilates e procedências. Trago até trechos de poemas, mas as frases, ditos e provérbios têm seu encanto e também sua densidade particular, como "chuva fazendo o mar".
Uma das minhas preferidas é aquela já atribuída a Tchecov, a Tolstói e até mesmo ao teórico da comunicação Marshal McLuhan: "Escreve sobre tua aldeia e serás universal" (se algum leitor dirimir a dúvida, agradeço). Também uma frase do filósofo Kierkegaard é um primor de síntese sobre a trajetória da humanidade: "A vida só pode ser compreendida olhando-se para trás, mas só pode ser vivida olhando-se para a frente". Outra imortal é aquela citação resgatada por Fernando Pessoa no antológico poema "Mar Português": "Tudo vale a pena se a alma não é pequena". Há uma outra frase que considero provocativa e instigante que recolhi de um conto do escritor argentino Adolfo Bioy Casares: "As mulheres e os gatos vêm quando não os chamamos". E quem quer que tenha passado pela obra de Machado de Assis, certamente não poderá nunca esquecer a sentença final do seu romance "Quincas Borba"': "Ao vencedor, as batatas", completa ode à inutilidade de algumas batalhas que travamos. Outra de nada deixar a desejar seria o filósofo espanhol Ortega Y Gasset: "Eu sou eu e minha circunstância".
Vinícius de Morais bem poderia comparecer a qualquer antologia abstrata interior com sua frase de que "a poesia é uma força inútil". Por sua vez, Pablo Neruda estaria lá com a abertura do seu poema XX: "Puedo escribir los versos más tristes esta noche". E Mario Quintana teria sua contribuição de ouro com a definição do que é o ato de amar: "Amar é mudar a alma de casa". Quem já não mudou de endereço?
Os provérbios também são guias da sabedoria milenar acumulada. Há um espanhol que diz bem da lapidar labuta humana pelos anéis e pelos dedos: "Todo homem que tem uma linda mulher, um castelo na fronteira ou um vinhedo à beira da estrada deve estar sempre preparado para a guerra'" E ai de quem não estiver.
Houve uma Feira do Livro de Porto Alegre cujo lema era de que nós somos o que lemos. Realmente, nossas leituras, lembranças e vivências formam indissociável trupe, eco de nós mesmos.


Correio do Povo
Porto Alegre - RS - Brasil
23.1.2008


Veja também:
www.cursodeportugues.zip.net
(Curso de Português)

www.megalupa.zip.net
(Jornal Megalupa)

Landro Oviedo
Enviado por Landro Oviedo em 06/03/2012
Alterado em 10/03/2012


Comentários


"A VIDA É BELA. QUE AS FUTURAS GERAÇÕES A LIMPEM DE TODO MAL, DE TODA OPRESSÃO E VIOLÊNCIA E A DESFRUTEM PLENAMENTE." (LEON TRÓTSKI)