"Como dois e dois são quatro/Sei que a vida vale a pena/Embora o pão seja caro/E a liberdade pequena" (Ferreira Gullar)
Textos

CORREIO DO POVO
PORTO ALEGRE, TERÇA-FEIRA, 31 DE MARÇO DE 2009
 
Nova ortografia terá no CP canal direto com o leitor
 
Interatividade foi a marca na adoção da Reforma Ortográfica em janeiro
 
Desde que a reforma ortográfica da Língua Portuguesa entrou em vigor no jornal, em 1º de janeiro, o Correio do Povo publicou diariamente dicas sobre as novas regras. Em várias páginas por edição, o jornal esclareceu as mudanças. Agora, mantendo a proposta, o leitor continuará a contar com um canal direto de comunicação com o consultor de Português do jornal, Landro Oviedo.
Os tópicos publicados no canto superior das páginas, sempre em referência a alguma palavra inserida nas matérias, foram além de sua função. Muitos professores relataram que usaram as orientações em aula por serem didáticas e simplificadas.
No período em que o Correio do Povo assumiu a tarefa de disseminar as alterações trazidas pela nova ortografia, centenas de leitores também escreveram ao jornal para esclarecer outras dúvidas. As principais estavam relacionadas à acentuação gráfica e ao uso do hífen. Despertaram interesse locuções em que houve a queda do hífen, como em 'dia a dia' no sentido de cotidiano.
Nos próximos dias, o leitor contará com um novo espaço diário para abordagem das alterações na escrita, sanando as dúvidas com base no Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa (Volp), lançado neste mês pela Academia Brasileira de Letras (ABL). O Volp chegou às livrarias da Capital no dia 26 de março e rapidamente se esgotou devido à procura. A obra traz a grafia das palavras e a classe gramatical. São quase 350 mil verbetes e servirá de base, a partir de agora, para a elaboração de dicionários no país. Trata-se de obra de referência.
'Há muitas dúvidas ainda por parte da população. Por isso, daremos continuidade a esta tarefa de importância neste período de adaptação', destaca Oviedo. O professor ressalta que, apesar de atingir apenas 0,5% do vocabulário no Brasil, as mudanças são bastante complexas e geram várias interpretações. 'Há contradições na própria escrita de algumas palavras, algumas aparentes, outras não', diz. Os leitores, para contatos com o consultor, podem escrever para landrooviedo@correiodopovo.com.br.
 
 

08NOVA9O.jpg

A 5ª edição do Volp já está nas livrarias
Landro Oviedo
Enviado por Landro Oviedo em 18/03/2012
Alterado em 18/03/2012


Comentários


"A VIDA É BELA. QUE AS FUTURAS GERAÇÕES A LIMPEM DE TODO MAL, DE TODA OPRESSÃO E VIOLÊNCIA E A DESFRUTEM PLENAMENTE." (LEON TRÓTSKI)