"Como dois e dois são quatro/Sei que a vida vale a pena/Embora o pão seja caro/E a liberdade pequena" (Ferreira Gullar)
Textos


DE CAMBICHO COM A PALAVRA
 
Eu me amasiei com a palavra
ungido de sentimento
a essa chirua levada
"le gusta" as asas do vento
de se mandar "a la cria"
deixando o véu da poesia
engastado no pensamento
 
Oigalê! china rebelde
que não se doma sem pito
arisca como uma toada
alembrada a despacito
às vezes mais vai que vem
é miragem que se tem
bombeando rumo ao infinito
 
Fica um vazio por preencher
uma imagem por ser dita
redemunhando na entrada
da arapuca da escrita
hay uma ânsia de céu
quando se senta o sovéu
para prender a "chinita"
 
É como um pealo bem dado
um raio de atiradeira
um encaixe bem na aspada
com a precisão certeira
é um bagual que perde o entono
que se descobre com dono
na velha sina campeira
 
Assim se faz o milagre
da bendita criação
uma palavra alçada
é a china do coração
é o vinho e a taça
a mulher e a negaça
o bardo e sua expressão
 
Ah, palavra, quanto te devo
nos meus humildes arpejos
no catre da noite alçada
te roubo furtivos beijos
és minha morena lindaça
que às vezes por mim se engraça
e se entrega aos meus desejos.
Landro Oviedo
Enviado por Landro Oviedo em 20/03/2012
Alterado em 27/08/2018


Comentários


"A VIDA É BELA. QUE AS FUTURAS GERAÇÕES A LIMPEM DE TODO MAL, DE TODA OPRESSÃO E VIOLÊNCIA E A DESFRUTEM PLENAMENTE." (LEON TRÓTSKI)