"Como dois e dois são quatro/Sei que a vida vale a pena/Embora o pão seja caro/E a liberdade pequena" (Ferreira Gullar)
Meu Diário
22/10/2016 20h09
(LIVROS NA PRAÇA) POR QUE A FEIRA DO LIVRO DE PORTO ALEGRE ESTÁ MENOR?

    Uma indagação ronda a capital dos gaúchos. Neste ano, a maior feira de livros  a céu aberto da América Latina está colocando esse título em risco. Ocorre que uma área na Rua dos Andradas não será ocupada e, tudo indica, por conta de uma obra que está sendo feita para a construção do centro cultural da Caixa Econômica Federal.
    O público não foi informado se houve algum tipo de acordo entre os organizadores do evento e a instituição bancária para não interromper os trabalhos, ainda que isso prejudique a qualidade da Feira do Livro, um dos eventos mais importantes do calendário cultural do Estado. Não é demais supor que essa leniência com a Caixa seja por conta de alguma vantagem, como patrocínio, por exemplo. Se assim for, estamos diante de uma escolha muito mal feita, priorizando interesses de uma empresa comercial em detrimento do lazer e da cultura de milhares de frequentadores.


Publicado por Landro Oviedo em 22/10/2016 às 20h09


"A VIDA É BELA. QUE AS FUTURAS GERAÇÕES A LIMPEM DE TODO MAL, DE TODA OPRESSÃO E VIOLÊNCIA E A DESFRUTEM PLENAMENTE." (LEON TRÓTSKI)