"Como dois e dois são quatro/Sei que a vida vale a pena/Embora o pão seja caro/E a liberdade pequena" (Ferreira Gullar)
Meu Diário
29/05/2021 16h30
POPULAR, IMPAGÁVEL E CHEIO DE HISTÓRIAS

     Leia clicando abaixo a matéria sobre o poeta, cantor, compositor e declamador Mario Cezar Castro.

https://rl.art.br/arquivos/7267003.pdf

 


Publicado por Landro Oviedo em 29/05/2021 às 16h30
 
27/05/2021 12h35
REGISTRO DA IMPRENSA DE ITAQUI SOBRE HOMENAGENS A RUI BARBOSA

     O livro, publicado pela Biblioteca Municipal de Itaqui em homenagem ao centenário de nascimento de Rui Barbosa, no seu fechamento, traz o seguinte registro, efetuado pelo saudoso jornal O Município de Itaqui.
Registro da Imprensa
     O jornal local, o Município de Itaqui, em sua edição de 12 de novembro de 1949, publicou o seguinte:
     As homenagens prestadas à memória de Rui Barbosa, pela cidade de Itaqui, sob os auspícios da Biblioteca Pública, por ocasião de seu nascimento, patentearam o fervoroso culto voltado ao grande brasileiro pelos itaquienses.
     Assim é que, cumprindo o programa de antemão traçado e ao qual nos reportamos em o número 589 deste jornal, as referidas homenagens tiveram o seguinte desenvolvimento.
Concurso de redação dos alunos do colégios primários
     Fizeram-se representar os seguintes educandários: G. E. Osvaldo Cruz, G. E. Aureliano Barbosa, Colégio Sagrado Coração de Jesus e o Instituto Itaquiense, sagrando-se vencedora a aluna Walkiria Silveira, aluna do 5º ano do Colégio Sagrado Coração de Jesus, e conquistando o 2º lugar o aluno Renato Zanella, do 5º [ano] primário do G. E. Osvaldo Cruz.
Comemorações nas escolas e no 1° R. C.
     Discorrendo sobre a vida e a obra do eminente brasileiro produziram-se notáveis conferências, pela manhã do dia 4, nos colégios locais e no 1° R. C., os seguintes cidadãos:
     No Ginásio Santa Tereza de Jesus — o tenente Washington Bermudes; no Instituto Itaquiense — o doutor Laurentino Cunha; no G. E. Osvaldo Cruz — o doutor Otoni M. Piffero; no G. E. Aureliano Barbosa —o doutor Edgard Mondadori; no G. E. Tito Corrêa Lopes — o senhor Reynaldo Mendes da Fonseca; e finalmente, no 1° R. C., — o senhor doutor Osvaldo P. Degrazia.
Sessão Cívica
     À noite teve lugar, no Teatro Przewodowski, que se achava artisticamente ornamentado e literalmente cheio, a solene sessão cívica.
     Aberta a sessão pelo senhor doutor Otoni M. Piffero, presidente da Biblioteca Pública, convidou para fazerem parte da mesa as seguintes pessoas: doutor Togo Lima Barbosa, prefeito municipal; doutor Osvaldo P. Degrazia, presidente da Câmara dos Vereadores; doutor Roque Degrazia, cônsul do Brasil na vizinha cidade de Alvear; senhor Emilio Martinez, vice-cônsul da Argentina nesta cidade; senhor doutor Alvaro de Moraes, promotor de Justiça; reverendo padre Thiago Kieling, vigário da paróquia, que não compareceu; senhor tenente José de Oliveira Macedo, comandante do destacamento da Brigada Militar, aqui sediado; senhor coronel Eurico Ribeiro Torgo, comandante do 1° R. C., que não compareceu; doutor Dinarte M. Pinto, vice-prefeito; senhor tenente Washington Bermudes; senhora Edy Krause, representando o G. E. Osvaldo Cruz; senhorita Leocadia Monteiro, representando o Ginásio Santa Tereza; a menina Walkiria Silveira, aluna vencedora do concurso de redação; senhor Armando Beux, pastor metodista; senhorita Hilda Silva, secretária da Biblioteca Pública, e, finalmente, o senhor doutor Ruy Ramos, orador oficial da solenidade.
     Após o que, o senhor presidente da Biblioteca Pública passou a presidência dos trabalhos ao senhor doutor Togo Lima Barbosa, prefeito municipal, que convidou a assistência para entoarem o hino nacional.
     O primeiro orador que se fez ouvir foi o senhor doutor Dinarte M. Pinto, dissertando belamente sobre a notável ação jurídica do ilustre homenageado.
     A seguir, em nome de suas colegas do G. E. Osvaldo Cruz, a professora Edy Krause leu uma comovente "Mensagem a Rui".
     Em continuação, a menina Walkíria Silveira, aluna do 5º ano primário do Colégio Sagrado Coração de Jesus, procedeu à leitura do seu trabalho , classificado em 1° lugar no Concurso de Redação instituído pela Biblioteca Pública, após o que, a convite do presidente da mesa, o senhor Otoni M  Piffero fez entrega do prêmio conquistado pela referida aluna.
     A seguir, o tenente Washington Bermudes demonstrou seus invejáveis dotes oratórios com o seu magnífico trabalho — uma admirável invocação a Rui.
     Logo após, a menina Maria Leocadia Monteiro, aluna da 4ª série do Ginásio Santa Tereza, leu interessante trabalho de sua lavra. 
     Finalmente, o orador oficial, doutor Ruy Ramos, pronunciou uma conferência na qual, com grande eloquência, dissertou brilhantemente sobre a vida de Rui Barbosa, sua ação fulgurante no cenário nacional e mundial e sobre a fonte inesgotável de ensinamentos que foi, que é e será sempre a vida do grande brasileiro.
     Encerrando a sessão, o doutor Togo Lima Barbosa congratulou-se com os presentes pela cordial acolhida que souberam dar à iniciativa da Biblioteca Pública de Itaqui, isto é, a de reverenciar a memória de Rui Barbosa.

Nota: com ortografia atualizada e negritos pelo autor da postagem.


Publicado por Landro Oviedo em 27/05/2021 às 12h35
 
03/05/2021 19h52
DA SÉRIE "PRESTIGIANDO OS ARTISTAS GAÚCHOS" (ELTON SALDANHA)

Depois da minha publicação nas redes sociais, recebo um retorno ímpar do meu conterrâneo Elton Saldanha:

É um domingo de maio
E mateio desde cedo
E vejo no Facebook
Discos de buenos recuerdos
Mil gracias pela homenagem
Meu amigo, Landro Oviedo!

Três discos da minha lavra
São LPs dos antigos
Trazendo a primeira tropa
De sonhos que ainda persigo
Cantigas que se fazia
Para compartir com os amigos

O primeiro foi caborteiro
Depois o diário de Porto Alegre
Aí veio Aldebarã
Noite adentro de alma leve
E pelos bolichos do pago
A cantoria prossegue.

Landro Oviedo, tu conheces
Muito bem minha trajetória
Somos lá do Itaqui Viejo
Da chacra de antigas glórias
Nestes três discos aparece
O começo da minha história!

"GRACIAS PELA DISTINÇÃO, MEU AMIGO!"


Publicado por Landro Oviedo em 03/05/2021 às 19h52
 
30/04/2021 17h12
TAXA TRANSPORTE: PARA BARATEAR A TARIFA DOS COLETIVOS

     Quem guarda tem. Talvez muito pouca gente se lembre desta proposta enviada à Câmara Municipal pelo então prefeito Olívio Dutra de Porto Alegre para baratear o valor da tarifa do transporte público. Na época, o forte lobby das empresas em geral impediu a aprovação. Não seria o momento de reapresentá-la?



Publicado por Landro Oviedo em 30/04/2021 às 17h12
 
28/04/2021 00h13
"HÁ QUANTO TEMPO EU NÃO DANÇO UMA VANEIRA"

"Há quanto tempo eu não danço uma vaneira"

João Sampaio/Fábio Conceição/Nilton Ferreira

Nilton Ferreira e Grupo Pampa y Cielo

A epidemia atualizou esta linda canção.

Para ouvir, clica abaixo:

https://www.youtube.com/watch?v=1BL36y3eu28

 

 

 


Publicado por Landro Oviedo em 28/04/2021 às 00h13



Página 1 de 125 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » [próxima»]


"A VIDA É BELA. QUE AS FUTURAS GERAÇÕES A LIMPEM DE TODO MAL, DE TODA OPRESSÃO E VIOLÊNCIA E A DESFRUTEM PLENAMENTE." (LEON TRÓTSKI)