"Como dois e dois são quatro/Sei que a vida vale a pena/Embora o pão seja caro/E a liberdade pequena" (Ferreira Gullar)
Textos


REVISITANDO UM DEBATE COM A EXTREMA-DIREITA (MARÇO DE 2016)

SEQUÊNCIA DE UM EMBATE
1) Primeiro, eu publiquei o texto a seguir no meu portal www.landrooviedo.com
"NÃO VAI TER GOLPE. JÁ TEVE.
Já teve o golpe contra a Petrobrás. Já teve o golpe do estelionato eleitoral. Já teve o golpe do desarmamento da população perante a bandidagem. Já teve o golpe no BNDES. Já teve o golpe nos Correios. Já teve o Golpe no FGTS. Já teve o golpe da CPMF. Já teve o golpe do corte de verbas do SUS. Já teve o golpe nos vencimentos dos aposentados. Já teve o golpe da Lei Seca para arrecadar. Já teve o golpe no seguro-desemprego. Já teve o golpe do aumento abissal da dívida pública. Já teve o golpe no reajuste da poupança. Já teve o golpe do cartão corporativo. Já teve o golpe das contas de luz nas alturas. Já teve o golpe das diárias astronômicas da Dilma Rousseff. Já teve o golpe do caixa 2. Já teve o golpe da corrupção. E, principalmente, já houve o golpe maior na esperança de milhões e milhões de brasileiros que acreditaram nesse governo inapto e falacioso. Foram muitos os golpes. Resta resistir e punir os malfeitos desse governo e dos pústulas que os pariram."

2) Aí o Luiz Afonso Barnewitz comentou: "Landro Oviedo, ótimo.Por favor, o golpe que já houve, foi realizado à maneira stalinista ou de que maneira?"

3) Antes de eu chegar a responder, o César Sanchez saiu-se com o seguinte texto:
     "Excelente pergunta caro amigo Barnewitz. Entretanto acredito que o prezado conterrâneo Landro Oviedo não venha a respondê-la, posto que ele é simpatizante destas demagogias de esquerda e suas ideologias totalitárias defensoras de tiranos assassinos.
     Tanto o stalinismo quanto o trotskismo são vertentes do comunismo. São duas faces da mesma moeda à procura do domínio absoluto da sociedade por parte de uma determinada liderança. Essa relação entre as esquerdas é conhecida como “Estratégia das Tesouras”. Consiste numa artimanha política, onde a briga entre dois partidos de esquerda polariza o eleitorado, fazendo com que saia de cena qualquer outra ideologia diferente à comunista. O que verdadeiramente ocorre é uma disputa de cargos políticos, para decidir quem irá ocupá-los.
     A esquerda com seu populismo socialista serve para expor o que de pior existe no íntimo daqueles que a apoiam, praticam e veneram, assim como para destruir os mercados e as economias dos países, deixando suas populações arrasadas pela miséria, fome, marginalidade e escravidão. É um poço fétido e nauseabundo onde apenas a morte traz a liberdade. Lástima!!!"

4) Minha réplica:
     "O que o César Sanchez quer é transformar a história nos seus clichês, o que é uma pretensão fora do alcance de quem é mero reprodutor de um discurso venal. Trótski foi morto por Stálin exatamente por resistir ao seu regime sangrento. Stálin aniquilou a oposição e ficou livre depois para fazer acordos com os próceres do capitalismo, como Winston Churchill. Stalinismo e capitalismo sempre se apoiaram mutuamente.
     Outra cobrança que costuma vir desses tubuladores das redes sociais é sobre Cuba, por exemplo. Culpam Marx de eventuais desvios na aplicação de um regime nomeado como socialista. Isso é como culpar Santos Dumont pelo uso dos aviões nas guerras. Nada mais caricato.
     Entretanto, mesmo com seus problemas, por ter um governo autoritário, o modelo cubano consegue garantir que ninguém morra de fome. Cuba tem 10 milhões de pessoas. O Brasil tem 60 milhões de pessoas abaixo do nível de pobreza, são seis Cubas ao todo, com milhões de miseráveis morrendo de fome, de doenças ou sendo incendiados nas ruas. Diante dessa realidade, o que fazem os epígonos? Limitam-se às suas cantilenas sobre as mazelas desses países não capitalistas esquecendo que moram e vivem em um país que tem a terceira pior distribuição de renda do mundo e os mais ricos abutres de uma nação pobre. É esse capitalismo que vocês defendem, que vocês pregam, que vocês fazem versos sobre ele?
     A ação humana não foi feita para ser limitada pelos céticos. Deles não precisamos. Desses que só enxergam com os neurônios do oportunismo. Um debate sério não se faz acusando os adversários do capitalismo de stalinistas. Não se faz debate também com alguém que é apenas um franco-atirador como tu, César Sanchez, que não tem um diferencial em nada, cuja única emulação é a masturbação ideológica nas redes sociais. E não me venha dizer que isso é desqualificar o oponente, como é do teu feitio, porque tu não tens nada a apresentar. Nem o combate à ditadura tu fizeste. Dizem que os mansos herdarão o reino dos céus. Mas até lá vão encher nossa paciência com provocações que não levam a nada. Porque essa tática de atribuir anacronismos aos outros é apenas para disfarçar a própria omissão e continuar tocando a vida cuidando do próprio umbigo. O aluguel de meia dúzia de certezas não transforma ninguém em intelectual."

5) Posto agora a continuidade do debate com César Sanchez, num embate que eu não procurei e ao qual eu não pude me furtar.

César Sanchez:
     Grande professor neocomunista, Landro Oviedo o “machão da internet” por detrás de um teclado. Que mais podia esperar de um defensor do socialismo bolivariano a não ser ofensas e falácias. A tua total falta de conhecimento histórico reforça meus comentários; além do mais, ser ofendido por esquerdistas, iguais a ti, defensores de ditadores assassinos é toda uma satisfação. Não és o único, muitos “cumpanheiros” teus agem de forma igual. Lula, Dilma, Stédile, Mauro Iasi, Marilena Chauí e tantos outros gastam seu tempo ofendendo e ameaçando quem se opõem às roubalheiras da esquerda brasileira.
     Podes continuar babando a tua “valente” raiva por detrás de um monitor, característica dos covardes bolivarianos que tanto proteges. A tua ignorância fala por ti. Defender a ditadura cubana é uma ação insana; sendo que milhares de pessoas morreram e continuam morrendo afogadas tentando fugir da ilha prisão regida pela ditadura assassina da família Castro, há 57 anos.
     Landro, caro professor comunista: são esses teus argumentos? Ofensas e falácias? Patético! Algo está a apodrecer no reino da Dinamarca e a tua fé, lamentavelmente, continua incólume. Com isto, efetivamente comprovamos que o veneno de Laertes encharcado nos uivos das hienas brada por novas vítimas na sua indefectível peregrinação de fome, miséria e morte, enquanto adrede se entrega ao bolivarianismo assassino.
     O populismo socialista é fruto de uma engenharia social cuidadosamente arquitetada há muitas décadas, objetivando a submissão total da sociedade. Seus seguidores foram e são manipulados para serem fanáticos, louvando e acreditando em tudo o que seus corruptos deuses esquerdistas proferem. Fanático age por fé, não por razão. Basta ver os argumentos bizarros que professam para tentar desculpar o incomensurável caos político/social no qual estamos inseridos; insanamente defendem e apoiam ditadores e, de forma hipócrita, acusam de golpista quem não concorda com isso. Loucos!!!
     Francamente, torna-se um enorme contentamento ser subestimado por um integrante da seita lulobolivariana. Despeço-me com a “célebre” frase do maior ladrão, até agora registrado na história brasileira (provavelmente mundial), e chefe da quadrilha criminosa esquerdista que se apossou do governo do Brasil:
“... tchau, querida.” (Lufináfio Pixuleco da Silva – vigarista, corrupto e projeto de tiranete)
Baita abraço e bons estudos... ou continua escravo servil de assassinos ditadores.


Landro Oviedo:
     Tua miopia política, ignorância e má-fé, César Sanchez, são tão grandes que não vês que o texto da epígrafe desta discussão foi justamente para criticar o PT e seus malfeitos. E nunca defendi essa seita bolivariana. Tu não sabes fazer discussões honestas e teu arrazoado de baboseiras só atiram mingau no ventilador.

César Sanchez:
     Tá bom, aham! Sim claro, claro... Prezado Landro, acreditas mesmo que vou emitir um comentário sem saber do que estou falando? Da mesma forma que as minhas, as tuas opiniões também estão rolando na rede. São muitas e claramente expressam a tua ideologia socialista bolivariana. Quem não te conhece que te compre, caro Landro. Não passas de um esquerdista oportunista igual a tantos que existem por aí. Qual é o teu braço ideológico da esquerda, PSOL, PSTU ou algum outro? Fala sério; vai ser desonesto em algum outro lugar. Esquerdista é tudo igual: se aferra a uma fé sega proferida por algum projeto de tiranete qualquer ou está mamando em alguma teta do governo.
... tchau, querida.

Landro Oviedo:
     Está bem, César Sanchez, se, na tua arrojada vida virtual, encontrares alguma linha minha defendendo os bolivarianos, Lula, Dilma, o PT e outros da mesma laia, avisa-me para que eu possa deletar e, assim, ser digno dessa tua patacoada toda.

César Sanchez:.
     Prezado professor comunista Landro Oviedo, a tua desonestidade não tem limites. Em um comentário anterior expliquei didaticamente como operam as esquerdas dentro do contexto político. Fazes parte de um dos braços ideológicos esquerdistas que apoiam a corrupção; logo, perfeitamente estás enquadrado dentro da minha explanação. Não passas de um esquerdista oportunista igual a tantos que existem por aí. Por favor, responde: qual é o teu braço ideológico da esquerda, PSOL, PSTU ou algum outro?
     Vou fazer uma breve apreciação de um esquerdista texto teu. Escreveste um monte de baboseiras para afirmar que o governo (utilizaste a palavra democracia por covardia hipócrita) teve muitos acertos e que foi incompreendido. Incompreendido? Mentiroso hipócrita, estamos protestando contra uma gigantesca corrupção que sustenta um projeto de poder socialista dentro de um estado aparelhado. Não sabias disto ou te fazes de bobo? Depois de um longo blá blá blá repetiste o cansativo clichê esquerdista de sempre: “dívida social histórica” – pura canalhice esquerdista. Depois, com a total falta de vergonha que caracteriza os socialistas bolivarianos, rotulaste de inconformismo a voz das ruas – mentiroso hipócrita, estamos protestando contra uma gigantesca corrupção que sustenta um projeto de poder socialista dentro de um estado aparelhado. Por último, a tua falta total de honestidade chegou ao ponto de classificar a voz do povo de “inconformidades coletivas”. Mentiroso hipócrita! Vou repetir pela última vez: estamos protestando contra uma gigantesca corrupção que sustenta um projeto de poder socialista dentro de um estado aparelhado. Não sabias ou te fazes de bobo?
     Repito: Não passas de um esquerdista oportunista igual a tantos que existem por aí. Qual é o teu braço ideológico da esquerda, PSOL, PSTU ou algum outro? Responde, por favor; ou a tua covardia esquerdista não deixa?

Landro Oviedo:
     Quanto ao meu partido, César Sanchez, se falei que sou trotskista, não é difícil imaginar qual é, inclusive sou filiado e pago um carnê mensal para mantê-lo independente, partido que ajudei a fundar em 1992 logo após termos sido expulsos do PT exatamente por combater essa burocracia que chegaria ao poder 10 anos depois. Isso está no meu portal, mas tu queres uma sigla para desviar o debate, para ocultar teu mau-caratismo das ideias, a deturpação de um lambe-botas da direita raivosa, além de reeditar uma prática dos dedos-duros com as classificações dos relatórios. Estás mapeando as organizações de esquerda, como fazia o SNI? E nem consegues um texto meu para ilustrar tuas acusações. Ficas fazendo falsas montagens. MOSTRA A ÍNTEGRA, MOSTRA A FONTE, MOSTRA O LINQUE. É assim que agiria uma pessoa honesta, que não é o teu caso. Tu és um alienado histórico e agora está pegando carona nas mobilizações de rua. Essa valentia recente chega a ser risível. Precisas pagar royalties ao stalinismo, porque essa prática de alterar os textos, os fatos e a própria trajetória é bem dele. Tu nunca fizeste coisa nenhuma por nenhuma causa e agora vem pregar moral de ocasião. Era só o que me faltava. Quando ao rótulo de comunista, não tem problema. Deturpar a semântica é algo próprio dos calhordas e manipuladores como tu. Agora coloca aí tua última postagem porque eu já disse o que me cabia neste debate com um boquirroto cretino, que muda o foco da discussão a cada vez que é desmascarado.
Landro Oviedo
Enviado por Landro Oviedo em 04/06/2020
Alterado em 04/06/2020


Comentários


"A VIDA É BELA. QUE AS FUTURAS GERAÇÕES A LIMPEM DE TODO MAL, DE TODA OPRESSÃO E VIOLÊNCIA E A DESFRUTEM PLENAMENTE." (LEON TRÓTSKI)