"Como dois e dois são quatro/Sei que a vida vale a pena/Embora o pão seja caro/E a liberdade pequena" (Ferreira Gullar)
Textos


DAS ESPERAS E DAS ENTREGAS

Quando é noite nos teus olhos
E dia na pele lisa
Há uma lua dos desejos
Que no teu corpo desliza

Há uma brisa de torrente
Que do teu beijo irradia
Feito fagulhas de almas
Num balé que principia

Eu sei dessa completude
Que renomeia o pranto
Como um querer sem peias
Que tem meação com o encanto

Eu bem sei desse aconchego
Depois do árduo combate
O afeto dá-se ao tempo
Senhor de todo arremate

Ilusões sempre vicejam
Nos corações dos amantes
Que abrem seus próprios rumos
Como convém aos andantes

Tudo em ti é odisseia
Num mar de terno retorno
Não hás de esperar em vão
Pois trago o mais raro adorno.
Landro Oviedo
Enviado por Landro Oviedo em 21/06/2020
Alterado em 21/06/2020


Comentários


"A VIDA É BELA. QUE AS FUTURAS GERAÇÕES A LIMPEM DE TODO MAL, DE TODA OPRESSÃO E VIOLÊNCIA E A DESFRUTEM PLENAMENTE." (LEON TRÓTSKI)